quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Prenda de natal

"Adorei o sardadelas, adorei os comentários das sardentas e, principalmente, o amor que têm pelas sardas nossas, que às vezes nos causam incómodos. Mudou muito minha visão,
pois descobri o sardadelas numa busca a como acabar com elas e agora resolvi valoriza-las ainda mais"
Paula

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

In love

O que dizer de uma mulher que começou como Pituxa Pastel, no programa da Xuxa, e prossegue a caminhada mediática como uma das sardentas mais lindas do Mundo? Leticia Spiller só nos instiga os carinhos e os abracinhos. Toda a teoria é nefasta para avaliar este anjo, que nos levita a todos ao Céu da contemplação. Estou (estive e estarei) apaixonado

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Curriculada

Audrey Marnay é mais um exemplo que as sardas podem recolher grandes dividendos. Apanhada a barreira dos 30, esta miuda giríssima começou a pousar nas passadeiras e revistas internacionais a meio caminho. Tinha apenas 15 anos quando publicações como a Vogue ou a Elle a recrutaram para as suas páginas. Há cerca de cinco anos, fruto do relacionamento com um produtor, com quem semeou dois filhos, começou a apostar no cinema e já tem mais de um punhado de aparições para o currículo

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Boazinha

Raelee Hill é uma actriz australiana bem firmada nos 30 e quase com os dois pés na barreira psicológica dos "entas". Remunerada a ficcionar nas mais variadas séries australianas (a maioria soap operas de faca e alguidar), Raelee passou por uma experiência peculiar quando ganhou o casting para a série de ficcção científica Farscape, uma joint-venture entre a Austrália e os Estados Unidos. Originalmente, a nossa convidada de hoje integraria o agrupamento de vilãos, mas a produção discordou, por Raelee ter um rosto demasiado bonzinho. Mereceu, por isso, a criação de uma pesonagem propositadamente para encaixar no semblante colorido... e sardento

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Espalmada

Deborah François é uma belga apontada como das maiores promessas do cinema... francês. Era quase como o português/madeirense Cristiano Ronaldo fosse idolatrado no futebol espanhol. Pois... prossigamos. Em 2005 teve uma estreia auspiciosa na sétima arte. O primeiro filme, L'Enfant, mereceu um dos mais apetecidos prémios mundiais, a Palma de Ouro em Cannes. Confirmava-se o talento de uma jovem que, ainda sem 18 anos, ganhava o respectivo casting a outros 150 candidatos. Uma vencedora

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Une Bijou pour nous

Não queriamos ser repetitivos, mas as sardentas teimam em carreiras ecléticas, que costumam arrancar nas passadeiras e desencaminhar-se na sétima arte. Trazemos mais um dos inesgotáveis exeplos desse trajecto. Bijou Phillips é uma actriz norte-americana com o extra de cantar, mas, tal como muitas sardentas, foi recrutada aquando da sua passagem de roupa para cabides. Filha de um dos elementos dos saudosos Mamas & Papas (John Phillips), Bijou ostenta o troféu de continuar a ser a mais jovem modelo a figurar na capa da edição italiana da Vogue. Para quem aprecia, também já exibiu outros dotes na Playboy (mas isso não interessa nada)

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Austerizada

Fruto da actualidade, apresentamos mais uma modelo da debilitada Irlanda. Laura Keohane é assalariada de uma agência a condizer com o impacto da sua imagem, a Storm Models. Não sabemos se esta tempestade de beleza também será forçada a a minguar o vencimento pelas medidas de austeridade, mas desejamos que continue a reunir o suficiente para, pelo menos, três refeições diárias