sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Coroada

Paola Oliveira é actriz, mas iniciou a formatura numa área que poderia instigar a comunidade universal de atletas a contrair lesões. Protagonista de novelas desde 2004, esta sardenta brasileira, a caminho da trintena de vida, é diplomada em fisioterapia, com distinção de "manitas de plata". Em 2009, foi coroada rainha de bateria da escola de samba Grande Rio. Hoje recebe de nós a coroa das sardas

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

FreckledArt

Victoria Ying é uma conceituada ilustradora da Walt Disney. Determinado dia, concebeu o projecto de um livro sobre sardas. Numa limitadíssima edição de 500 exemplares, Victoria extravasa o seu engenho com o recurso a aguarelas, acrílico e complexa metodologia de photoshop. Na mesma publicação, proporciona algumas revelações sobre a metodologia do seu trabalho criativo. Sardentar a arte

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Germinadora

Fechado o quarto de século de existência, Sarah Martin, norte-americana oriunda de Tampa, na Florida, está a investir nas funções de vínculo com a objectiva. Num dos portfólios publicitários à sua oferta de trabalhos, só pede que acreditem que é capaz de semear projectos de qualidade. Deixamos uma amostra para vosso julgamento

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Sumarento

A escritora Judy Blume, com ilustrações de Sonia O. Lisker, criou o personagem Andrew Marcus, um miúdo inglês com uma tara peculiar... as sardas. Por isso, cobiça as pintinhas do colega de turma Nicky Lane, pejado de sardas. A marota da Sharon, outra das parceiras de carteira, aconselha Andrew a recorrer a uma mistela de qualidade duvidosa. Resultado: doença súbita e cama com ele. Para não dar parte fraca, vasculha pelas gavetas da mãe por um baton. Como não encontra nenhum, desenrasca-se com um marcador azul. Nicky Lane, o sardento genuíno, adora o resultado e propõe uma troca... A ler, para todas as idades

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Robinada

Como espaço vinculado à actualidade, convidamos hoje quem é projectada nestes dias nas telas portuguesas. Jessica Chastain ficciona, em A Dívida, a personagem jovem da consagrada Helen Mirren, uma agente da Mossad que persegue assassinos nazis. Ainda tenra na actividade cinematográfica, Jessica, uma californiana com redondos 30 anos, tem currículo mais vasto pelos ecrans televisivos. Apadrinhada por Robin Williams, conseguiu cunha na prestigiada Julliard School de Nova Iorque, onde se formou na representação. Para já, 2011 tem abençoado a actriz, nomeada para o prémio de representação de "suporte" num punhado de filmes. Mais uma sardenta em ascenção

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Opereta

Mais um resultado de um cocktail de genes que só podia resultar numa pela sarapintada. Carol Lynley projectou-se na área do espectáculo, com especialização em soap operas televisivas. Com passaporte dos Estados Unidos, Lynley é a conjugação do amor de uma norte-americana, com sangue inglês-escocês-galês-alemão e um irlandês radicado nos States. Chegou a ser considerada uma das actrizes mais giras do ramo, mas nunca chegou ao estrelato do espaço sideral. Em 2006, quando meteu os papéis de reforma, assinalou meio século de actividade. Hoje toma chá com as amigas à hora da Oprah

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Lunar



A personalidade pop Kat Deluna encaminhou-se propositadamente a este espaço para desejar a todos os fiéis seguidores uma boa semana de trabalho. Para arrebitar, deixa-nos uma das suas representações. Have fun

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Despilada

Cintia Dicker é apontada, de forma quase unânime, como uma das super-hiper-mega sardentas mais lindas do planeta. Brasileira espadaúda, com quase 180 centímetros de envergadura, deve a peculiar silhueta à conjugação de sangues alemães e irlandeses. Para responder às sucessivas requisições para vestir alta-costura, mudou-se para Nova Iorque, aproveitando para corrigir o apelido. Originalmente Cintia Dick, corrigiu para Dicker, em virtude das referências fálicas do primeiro

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Petada

Isabel Lucas é uma australiana com fugazes, mas premiadas, aparições em novelas e filmes. Logo depois de ter sido contemplada com o reconhecimento da crítica ligeira como a mais jovem talento popular da televisão "aussie", ganhou um casting para... promoção de pasta de dentes. Ambiciosa, mudou-se para a terra das oportunidades e tem aproveitado a dispersão de convites para render a cara bonita e sardenta. Colaboradora da causa animal, a reconhecida organização PETA retribuiu os préstimos com a condecoração de uma das celebridades mais sexys da Austrália

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Anjinha

Erin Hetherton, resgatada numa praia de Miami por um atento olheiro, diz-se orgulhosamente natural do lugar de Skokie, no Illinois. A modelo norte-americana teve de rumar, porém, para a Big Apple como forma de juntar os dólares que a constituem nestes dias como uma das modelos melhor remuneradas do planeta. Actualmente, vai juntando mais umas coroas com a condição privilegiada de elemento do restrito exército Victoria's Secret Angels.

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Shaking

Halley Williams faz da ocupação laboral uma terapia para a crónica timidez. Adepta do recato, esta jovem cantora norte-americana, criada nos interiores do estado do Mississippi, decidiu agitar as rotinas e aliar-se a uma banda de rock alternativo, Paramore. Começou a afinar as cordas vocais desde menina, em coros de igreja, e hoje motiva os seguidores do género a abanar o capacete. Agitem-se vocês também

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Tombo

Diz a crítica que Julia Pereira é uma modelo (brasileira) que consegue sintetizar uma mulher. Paulo Fernando, um dos artistas que alimenta o site Comunidade Moda, desabafa que Julia é "linda, simpática, muleca, irreverente e muito charmosa". Acrescenta, já de beicinho, que viu a Garota de Ipanema de Jobim, embora esta gaúcha seja de São Sebastião do Caí... no chão

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Pitup

Ava Jean é uma modelo canadiana que faz pela vida. Não figurando na "premier league" da área, investiu os tempos livres no ballet, dança jazz e... canto lírico. Jovem mamã, de apenas 22 anos, aguarda uma cirurgia correccional para voltar às lides de pousar para a objectiva. No CV que publica para todos os interessados, confessa-se adepta do burlesco e do glamour, manifestando também inclinação para registar a imagem como pinup, vestida, semi-vestida ou em pelota

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Gorgeosíssima

"Gorgeous" pode ler-se, em tradução livre para o nosso dialecto, como "deslumbrante". O adjectivo repete-se descontroladamente nos maiores fóruns que dissertam sobre beleza feminina, em particular quando o tema é Anna Christine Speckhart. Esta modelo norte-americana, uma das mais recentes revelações na área, é, de facto... deslumbrante. Aproveitemos o fim-de-semana para cantar muitas vezes

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Cronista

Anna Poppewel não escreve, pelo menos que seja público, mas deve a sua projecção mediática a crónicas. Não opinou sobre alguma coisa, mas foi uma das maiores figuras da super produção A Crónicas de Narnia. Londrina e fruto do amor de dois doutorados, um magistrado e uma médica, Anna escolheu cedo a arte de ficcionar. Com apenas 22 anos, vive uma reforma dourada, durante a qual cursa em Oxford, em literatura inglesa

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Incestuosa

Jessica Heap é de Baton Rouge, uma cidade do Louisiana que inspirou os cosméticos dos lábios. Dizem que é uma trabalhadora obssessiva desde que, em adolescente, mergulhou de cabeça na representação. Depois de sucessivas aparições nas telas, em filmes que lhe exigiam... duas ou três linhas de argumento, Jessica começou no Verão deste ano a maior prova de fogo. Em The Young and the Restless, uma soap opera que resiste desde... 1973, faz de irmã de dois irmãos. Um duro teste para cinco ou seis linhas de deixas

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Intervalada

Felicia Kay atravessa um interregno na carreira que escolheu para juntar fundos de vida. Com 24 anos, esta modelo norte-americana escolheu intervalar o ofício para dotar de exclusividade o rebento Nikolai. A opção pelos genes do cuidado materno levou-a a congelar o perfil que mantinha no espaço virtual, deixando, porém, e passo a citar, "um agradecimento às centenas de solicitações" para passear as infinitas sardas em espaços de exposição de indumentária

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Surfadas

As manas Oleema e Kalani Miller têm duas coisas em comum. O papá e a mamã e o investimento na promoção de fatos de banho (coloridos de fluorescentes berrantes). Mas a partilha das manas, consta-se, que se fica por aqui. Foi Kalani, à vossa direita, que usurpou o coração de Kelly Slater, um tipo calvo que ainda consegue, à beira de quarentão, equilibrar-se melhor que os outros numa tábua de fibra. Um amor que continua, literalmente, sobre ondas

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Vestimentada

Apesar de ter apostado na representação e testar a aptidão na série britânica Skins (atribulações de adolescentes), Freya Mavor tem dado cartas mediáticas em outra área. Naturalmente, a face sardenta desta escocesa foi decisiva (dizemos nós) para a Pringle of Scotland, uma marca selecta de indumentária, a eleger como rosto da última campanha Primavera/Verão. Personalidades como Madonna, David Beckham ou Claudia Schiffer tentam promover as carreiras descendentes dizendo que só vestem Pringle. Freya não precisa. Dão-lhe de vestir

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Granulada

Emilipe Pommelet é uma modelo francesa que não se importa de prevaricar. Assume-se como viciada em tarte de maçã, apetites que não a inibem de pousar para as objectivas. Não figura no topo do "ranking" de modelos, não costuma desfilar elta-costura, mas vai exibindo, amiude, as sardas de todo o corpo em sessões soft-eróticas, de cariz artístico. Contar as suas sardas é igual a registar cada grão de areia da Praia do Vau

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Puberdada

Jessica Lowndes é uma canadiana que representa (mais ou menos) e canta (ainda menos), atributos que, mesmo assim chegam (e sobram) para ir pagando as contas. É, por estes dias, um dos rostos (sardentos) da insistente (ou persistente) série adolescente 90210, por onde circula a puberdade de pré-adultos de boa figura

domingo, 9 de outubro de 2011

julia pereira

Diz a crítica que Julia Pereira é uma modelo (brasileira) que consegue sintetizar uma mulher. Paulo Fernando, um dos artistas que alimenta o site Comunidade Moda, desabafa que Julia é "linda, simpática, muleca, irreverente e muito charmosa". Acrescenta, já de beicinho, que viu a Garota de Ipanema de Jobim, embora esta gaúcha seja de São Sebastião do Caí... no chão

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Kateada

Quando o mercado da alta costura desbastava, com algum desespero, novos membros da elite da modelagem, alguém esbarrou com Julia Hafstrom. Esta (ainda) miuda sueca, cativou os olheiros e já vagueia, com elegância, nos corredores dos maiores desfiles. Cara (sardenta) de capa das revistas do meio, a critica especializada já a vinculou a Kate Moss, na esperança de capitalizar um novo ícone da indústria têxtil

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Sotaqueira

Kaya Scodelario cumpre o ano da vintena de vida. Esta londrina começou a desempenhar com rigor prematuro, cinco anos antes, o papel que continua a exercer na soap opera dramática Skins. A projecção foi tão grande que, pouco depois do baptismo na televisão, saltou para as telas de cinema, onde se especializou na área da ficção científica. Filha de mãe brasileira, orgulha-se de falar fluentemente a lingua de Camões, com o necessário sotaque

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Pacanina

Tem nome celestial e apelido de Leste, mas Anja Konstantinova orgulha-se do passaporte australiano. Nativa de Melbourne, é uma das figuras "aussies" nos desfiles de têxteis e capas de revista. Fica a particularidade de rivalizar ombro a ombro (metaforicamente) com os habituais escadotes na área, de baixo dos seus míseros 164 centímetros de envergadura

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Mestrada

Lily Collins foi educada no género clássico inglês, mas faz pela vida, nestes dias, em Los Angeles. A aposta no continente americano está prestes a resultar num mestrado em jornalismo, curso em que desenvolve prática em colunas de opinião em várias revistas para adolescentes nos píncaros da puberdade. Aos dois anos já representava em séries da BBC. Aos 18 já era escolhida como uma das jovens mais bonitas das carpetes vermelhas. Culpa das sardas

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Diplomada

A carreira de Meghan Markle é um circuito de ocupações. Modelo, publicitária, diplomata, concorrente e actriz. É neste trajecto, de idas e voltas, em que caminha esta californiana nas entradas dos 30. Resultado de uma paixão assolapada entre uma africana e um germano-irlandês, Meghan tamém se dedicou aos estudos e formou-se em relações internacionais. Estagiou na embaixada dos Estados Unidos em Buenos Aires, mas voltou a render-se à representação.Continua a passear o rosto sardento pelos feixes hertzianos

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Peitada

Phoebe Price nasceu no Alabama, junto de criadores de gado. Saturada do estado sulista, cedo deu o "grito do ipiranga" e atravessou o Atlântico, rumo à clássica e elitista Europa. Passou vestidos por Atenas e Milão, onde começou a testar os dotes de representação (a rima é propositada para oferecer mais impacto). Esgotada a moda, voltou aos Estados Unidos, concretamente a Los Angeles, onde se repartiu por séries manhosas e filmes de série C. Abriu boutiques de bijuteria, começou a desenhar os seu próprios chapéus e a insistir nos decotes até ao umbigo. Refere a crítica, em tom elogioso, que Phoebe tem silhueta peitoral escrutinada pelo Divino

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Nassy Who

Karen Gillan obriga-nos à informação repetitiva: um actriz que começou... já adivinharam?... a juntar uns dinheiros a flutuar sobre as passadeiras da alta costura. Oriunda da escocesa Inverness, onde dizem que um lago obscuro dá guarida ao monstro Nessy, Karen sempre foi uma lutadora. Foi saltitando entre uma série de castings para figuração até que alguém a apanhou para a reposição da série do viajante no tempo, Dr. Who. Já vai na segunda temporada e já tem compromisso assinado para a que comça a aser escrita para 2012. Uma talentosa (sardenta)

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

AnGalesa

Oriunda da impronunciável Ystradgynlais, uma cidade mineira que também exporta relógios, Eve Myles é uma das mais conceituadas figuras galesas na arte da representação. Formada em artes, foi estruturando a carreira nas séries televisivas. O reconhecimento da crítica mereceu-lhe seis nomeações para os BAFTA, os óscares britânicos, mas por apenas uma vez (até agora) subiu ao pulpito para o discurso da praxe. Por necessidade de cimentar a sua projecção internacional, não falou no idioma galês

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Melting Pot(a)

Três romances em cinco anos permitiram a Zadie Smith carregar a honra de novelista de sucesso. A crítica internacional aponta-a mesmo como uma das mais jovens escritoras britânicas com potencial para sucessivos best-sellers. Filha de mãe jamaicana e pai inglês, Zadie vai saltitando entre Nova Iorque, onde é figura de congressos literários, e Londres, ao mesmo ritmo em que vai acumulando prémios. No último romance, On Beauty, editado em 2005, mistura ficção com um género de auto-biografia. Acompanha uma familia de genes americanos e britânicos, radicada em Nova Iorque, aproveitando para dissertar sobre valores étnicos e culturais dos dois lados do Atlântico

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Campeã

Samantha Stosur, a nova campeã do Open dos Estados Unidos, à força de uma adversária nada Serena

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Poeira urbana

De educação católica, e sangue irlandês, Bridget Regan começou cedo na representação. Começou a ganhar reputação na área inalando a poeira dos palcos aquando menina. Sem nunca ter deixado o teatro, mergulhou, com mediano sucesso, na televisão e foi saltitando entre séries para domésticas. A projecção chegou para merecer o convite para passar pelo filme O Sexo e a Cidade, duas áreas com que mantém afinidades

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

The face

Apresentamos Katy Braitman, mais de 1,70 de envergadura sardenta, regada a sangue francês. Muitas capas de revista e a vénia de todos nós pela invulgar beleza, no melhor dos sentidos

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Nada(r)

Karen Alyx prometia uma emergência meteórica no cinema francês. A primeira aparição nas telas, traduzida para As Raparigas Não Sabem Nadar, foi um sucesso nas salas de Paris e arredores. Mas, tal como o titulo convida, a promissora carreira esfumou-se, ou afundou-se, em passagens por séries televisivas medianas ou curtas aparições... em curtas. Um trajecto polvilhado por oscilações... e sardas

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Versátil

Já cá faltava o teimoso trajecto moda-estrelato televisivo. Mischa Barton nasceu em Inglaterra, mas começou a granjear fama nos Estados Unidos. Como é quase costume, iniciou-se nas passadeiras das indumentárias, cativou os olheiros e mudou-se para terras do Tio Sam, onde vai coleccionando aparições em séries medianas e filmes ousados. Chegou a ser catalogada como actriz especializada em papéis que fomentam sexo, drogas, alcool, terror e homosexualidade

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Macacada

Charlotte Ramplig é uma veterana do cinema, firmando créditos por Inglaterra, onde nasceu, França e Estados Unidos. A versatilidade na internacionalização da carreira valeu-lhe, em 2000, a condecoração com a Ordem do Império Britânico, prémio que a motivou a arriscar, dois anos depois, a área da música e a edição de um álbum. Para registo imortal do seu currículo está a intepretação, em Max, Mon Amour, de uma mulher que se apaixona por um... chimpanzé

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Pokerada

Eleita Miss Hawai em 1995, pouco antes de comemorar os primeiros 20 anos, Shana Hiatt especializou-se no poker. Depois da aposta efémera na industria da mosa, Shana apostou no jogo de cartas e deu a cara anfitriã a sucessivos campeonatos. O vínculo alimentou-lhe o bichinho e também se viciou no jogo das cartas. Por restrições do seu trabalho, foi sempre barrada a alinhar nos campeonatos, especializando-se, por isso, na versão on-line, onde, dizem, ser das maiores ganhadoras do meio

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

sexta-feira, 29 de julho de 2011

Vacations

Este espaço maravilhoso vai apanhar um solinho (?!?!) e entra em período de férias. Para aliviar toda a vossa frustração, um último boneco(a) do artista Dmitry, um fotógrafo com a vida facilitada aquando da focagem de sardentas. Boas férias!

quarta-feira, 27 de julho de 2011